ORDEM, PROGRESSO E ALFABETIZAÇÃO! LOURENÇO FILHO E O ENSINO DA LEITURA E ESCRITA

Autores

  • Bruno Marini Bruneri Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
  • Ana Lucia Espíndola Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

DOI:

https://doi.org/10.14572/nuances.v25i3.3084

Palavras-chave:

História da Alfabetização, Escola Nova, Lourenço Filho

Resumo

O presente ensaio pretende resgatar na trajetória histórica da alfabetização brasileira o pensamento e as contribuições do professor escolanovista Lourenço Filho, buscando compreender de que forma o pensamento desse autor ainda marca de forma bastante contundente algumas concepções de alfabetização vigentes. O motivo da escolha por estudar e discutir Lourenço Filho se deu por suas imensas contribuições nas pesquisas acerca da psicologia escolar, dos estudos sobre o ensino da leitura e da escrita e por ter sido um grande promotor da educação popular brasileira. Contudo, para organização deste texto, nos limitamos as suas obras de maior destaque e influência na educação de base no Brasil; sendo elas um ensaio e duas cartilhas, que emblemáticas e representativas do pensamento do autor acerca do ensino da leitura e escrita, predominaram por mais de meio século no cenário educacional do país.

http://dx.doi.org/10.14572/nuances.v25i3.3084

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bruno Marini Bruneri, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Possui especialização em Língua Portuguesa pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2009), graduação em Letras pela Universidade do Oeste Paulista (2009) e graduação em Pedagogia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2006). Atualmente é aluno do curso de Pós-graduação, Mestrado em Educação - Educação Social da UFMS. Tem experiência na área de Educação e Letras, com ênfase em ensino de língua materna e estrangeira, atuando principalmente nos seguintes temas de pesquisa: ensino da língua portuguesa, alfabetização, letramento, leitura e métodos de ensino.

Ana Lucia Espíndola, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Possui graduação em Pedagogia Série Iniciais Licenciatura Plena pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (1988), mestrado em Educação pela Universidade Federal de São Carlos (1998) e doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (2003). Realizou doutorado sanduíche na Universidade de Paris VIII, França, sob a orientação do Professor Doutor Bernard Charlot. É professora Associada da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, desde 1992, vinculada ao Programa de Pós Graduação em Educação Social e ao Doutorado em Letras na UFMS. Foi bolsista de pós-doutorado sênior do CNPQ realizando estágio pós-doutoral na Universidade Federal Fluminense. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação em Periferias Urbanas, atuando principalmente nos seguintes temas: alfabetização, letramento e leitura em meios populares.

Downloads

Publicado

22-12-2014

Como Citar

BRUNERI, B. M.; ESPÍNDOLA, A. L. ORDEM, PROGRESSO E ALFABETIZAÇÃO! LOURENÇO FILHO E O ENSINO DA LEITURA E ESCRITA. Nuances: Estudos sobre Educação, Presidente Prudente, v. 25, n. 3, p. 244–258, 2014. DOI: 10.14572/nuances.v25i3.3084. Disponível em: https://revista.fct.unesp.br/index.php/Nuances/article/view/3084. Acesso em: 30 nov. 2022.

Edição

Seção

Artigos - FLUXO CONTÍNUO