RESOLUÇÃO DE CONFLITOS E PROBLEMAS DE ABUSO PATERNO DO ÁLCOOL

Autores

  • Vanessa Fagionatto Vicentin Unifran
  • Maria Isabel da Silva Leme

DOI:

https://doi.org/10.14572/nuances.v25i3.3020

Palavras-chave:

conflito, adolescência, alcoolismo

Resumo

O objetivo do presente estudo foi analisar o impacto do alcoolismo parental sobre a resolução de conflitos por adolescentes. A amostra foi composta por 84 estudantes de ensino fundamental e médio de uma escola pública de nível socioeconômico baixo, com idades entre 12 e 16 anos e, divididos em dois grupos: 42 filhos de pais com problemas de álcool e 42 participantes que não se enquadravam nesse grupo. Os instrumentos utilizados foram: Questionário CAGE Familiar e a versão aberta da escala The Children’s Action Tendency Scale. Os adolescentes apresentaram predominantemente respostas submissas, seguidas de respostas agressivas. Não foi encontrada diferença significativa entre os filhos de pais com e sem problemas de álcool. Contudo, a análise de correspondência múltipla mostrou que as respostas agressivas estão mais associadas à presença de problemas de álcool enquanto as respostas assertivas à ausência destes problemas.

http://dx.doi.org/10.14572/nuances.v25i3.3020

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vanessa Fagionatto Vicentin, Unifran

Doutora em psicologia escolar e do desenvolvimento pela Universidade de São Paulo, Professora do curso de especialização "As relações na escola e a construção da autonomia moral" da Unifran e do curso de psicopedagogia da Unisal.

Downloads

Publicado

22-12-2014

Como Citar

VICENTIN, V. F.; LEME, M. I. da S. RESOLUÇÃO DE CONFLITOS E PROBLEMAS DE ABUSO PATERNO DO ÁLCOOL. Nuances: Estudos sobre Educação, Presidente Prudente, v. 25, n. 3, p. 277–293, 2014. DOI: 10.14572/nuances.v25i3.3020. Disponível em: https://revista.fct.unesp.br/index.php/Nuances/article/view/3020. Acesso em: 30 nov. 2022.

Edição

Seção

Artigos - FLUXO CONTÍNUO