FOTOGRAFIA E EDUCAÇÃO: POSSIBILIDADES NA PRODUÇÃO DE SENTIDOS DOS DISCURSOS VISUAIS

Autores

  • Stella Maria Peixoto de Azevedo Pedrosa Programa de Pós Graduação em Educação da Universidade Estácio de Sá - PPGE/UNESA
  • Ana Valéria de Figueiredo da Costa Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ Universidade Estácio de Sá - UNESA

DOI:

https://doi.org/10.14572/nuances.v28i1.4828

Palavras-chave:

Cultura digital. Ensino e aprendizagem. Fotografia. Tecnologias.

Resumo

O presente artigo tem como objetivo central propor reflexões sobre a produção e leitura de imagens, mais especificamente da fotografia, e algumas de suas relações com a educação. O texto apresenta uma breve história da fotografia relacionada à sua popularização discutindo: visão, visualidade e visualização e suas consequências para a produção e leitura de imagens. A partir da fundamentação teórica são apresentadas articulações da fotografia com a educação, sugerindo aspectos a serem estudados e práticas que contribuem para a leitura de fotografias. Na atualidade, a leitura de imagens se mostra fundamental nos processos educacionais, sugerindo estudos que envolvam a questão técnica, bem como a busca de referenciais heurísticos para a interpretação das mensagens contidas nos textos fotográficos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Stella Maria Peixoto de Azevedo Pedrosa, Programa de Pós Graduação em Educação da Universidade Estácio de Sá - PPGE/UNESA

Professora e Pesquisadora do Programa de Pós Graduação em Educação da Universidade Estácio de Sá

Downloads

Publicado

14-04-2017

Como Citar

PEDROSA, S. M. P. de A.; FIGUEIREDO DA COSTA, A. V. de. FOTOGRAFIA E EDUCAÇÃO: POSSIBILIDADES NA PRODUÇÃO DE SENTIDOS DOS DISCURSOS VISUAIS. Nuances: Estudos sobre Educação, Presidente Prudente, v. 28, n. 1, p. 78–94, 2017. DOI: 10.14572/nuances.v28i1.4828. Disponível em: https://revista.fct.unesp.br/index.php/Nuances/article/view/4828. Acesso em: 1 dez. 2022.

Edição

Seção

Dossiê