POLÍTICAS DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES: AS EXPERIÊNCIAS DE FORMAÇÃO INICIAL EM ARGENTINA, CHILE E URUGUAI

Autores

  • Margarita Victoria Rodríguez

DOI:

https://doi.org/10.14572/nuances.v15i16.180

Palavras-chave:

Políticas educacionais, formação de professores, América Latina.

Resumo

O artigo discute as políticas de formação de professores na América Latina, focando três países: Argentina, Chile e Uruguai, com o objetivo de explicitar as tendências que assumiram as propostas de formação inicial dos docentes, a partir das reformas educativas implantadas na década de 1990 no contexto de globalização da economia e das reformas do Estado capitalista.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

10-03-2010

Como Citar

RODRÍGUEZ, M. V. POLÍTICAS DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES: AS EXPERIÊNCIAS DE FORMAÇÃO INICIAL EM ARGENTINA, CHILE E URUGUAI. Nuances: Estudos sobre Educação, Presidente Prudente, v. 15, n. 16, 2010. DOI: 10.14572/nuances.v15i16.180. Disponível em: https://revista.fct.unesp.br/index.php/Nuances/article/view/180. Acesso em: 19 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos - FLUXO CONTÍNUO