PLANEJAMENTO AMBIENTAL E GEOECOLOGIA DAS PAISAGENS: contribuições para a bacia hidrográfica do Córrego Guaiçarinha, município de Álvares Machado, São Paulo, Brasil

Letícia Roberta Trombeta, Antonio Cezar Leal

Resumo


O presente artigo reuni contribuições acerca do planejamento ambiental e da Geoecologia das Paisagens para a bacia hidrográfica do Córrego Guaiçarinha, localizada no município de Álvares Machado, São Paulo, Brasil, com a aplicação de uma proposta de planejamento que visa contribuir para a identificação das unidades da paisagem e do estado ambiental dessa bacia hidrográfica. Para tanto, realizou-se a revisão bibliográfica sobre conhecimentos teóricos e metodológicos de planejamento ambiental, bacias hidrográficas, gestão de recursos hídricos e geoecologia da paisagem, bem como sobre identificação e análise da situação das Áreas de Preservação Permanente (APP), da fragilidade ambiental e dos problemas ambientais. A metodologia empregada partiu das concepções metodológicas de Rodriguez (1994), Rodriguez e Silva (2013) e Leal (1995), com a realização das etapas de Organização, Inventário, Diagnóstico, Prognóstico e Proposições, incluindo a elaboração de mapas temáticos e de síntese, utilizando o Sistema de Informação Geográfica (SIG), Sistema de Posicionamento Global (GPS), trabalhos de campo, análise e sistematização de dados e informações.  Pretende-se que os resultados e propostas possam  subsidiar o planejamento ambiental desta bacia hidrográfica pelo poder público e órgãos gestores, entre os quais a Prefeitura Municipal de Álvares Machado e o Comitê da Bacia Hidrográfica do Pontal do Paranapanema.

Texto completo:

PDF


Revista Formação (Online). ISSN: 2178-7298. ISSN-L: 1517-543X