COMPETÊNCIAS E HABILIDADES COMO ESTRATÉGIA PARA DESTACAR O CONHECIMENTO GEOGRÁFICO DOS AGENTES DA ESF E PSA NA CIDADE DO RECIFE

Martha Priscila Bezerra Pereira

Resumo


Os conceitos de competência e habilidade podem ter significados e usos diferenciados a depender do campo disciplinar. Este trabalho apresenta uma metodologia que possibilita identificar o conhecimento geográfico desenvolvido por agentes de saúde da Estratégia de Saúde da Família (ESF) e do Programa de Saúde Ambiental (PSA) na cidade do Recife – PE a partir da identificação de competências e habilidades desenvolvidas pelos mesmos. Para atingir a esse objetivo foram realizados os seguintes procedimentos: a) Identificação dos agentes de saúde que se destacam por fazer mais do que a obrigação e a especificação do destaque; b) Agrupamento das características ou comportamentos a partir de competências gerais do sujeito; c) Elaboração de uma matriz de competência e habilidades dos agentes de saúde a partir dos destaques e; d) Comparação das competências com conceitos da geografia. Pode-se enfatizar que os principais resultados foram: a) Identificação das características mais proeminentes por competência e por programa para a cidade; b) Identificação dos agentes que se inserem nessas principais características, por distrito sanitário mais representativo dessa competência e; c) As competências mais relacionadas com o conhecimento geográfico são a autonomia e o domínio conceitual, sendo o domínio da linguagem cartográfica uma espécie de síntese desse conhecimento geográfico. Tais resultados tanto podem apontar para novos caminhos conceituais e metodológicos quanto ser útil no planejamento de ações.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.33081/formacao.v2i15.671

Revista Formação (Online). ISSN: 1517-543X. E-ISSN: 2178-7298

 

 

INDEXAÇÕES E BASES BIBLIOGRÁFICAS

                         

Imagem relacionada

Apoio