O OUTRO DO ADULTO E DO PROFESSOR: REPRESENTAÇÕES SOCIAIS SOBRE CRIANÇA, SEGUNDO LICENCIANDOS DE PEDAGOGIA DA UFMT

Daniela Barros da Silva Freire Andrade, Maria Faria dos Santos

Resumo


Este estudo analisa as representações sociais sobre criança, segundo licenciandos de Pedagogia da Universidade Federal de Mato Grosso. Apóia-se nas contribuições da Teoria das Representações Sociais  (MOSCOVICI, 2003) e da Sociologia da Infância (SARMENTO, 2007).  Com ênfase na abordagem estrutural, adota como procedimento metodológico a  associação livre de palavras (n=206) cuja análise se deu pela articulação dos resultados decorrentes de três fases: 1. análise de conteúdo; 2. análise coesitiva assistida por programa computacional; 3. análise do quadro de elementos estruturais (EVOC). Os resultados indicam que, as representações sociais de criança ancoram-se em significados associados à criança pequena, inocência cuja expressividade lúdica articula-se a aprendizagem e ao desenvolvimento cognitivo.  A criança assim representada parece suscitar a presença do adulto sensível e identificado com a alegria e o amor a ela atribuídos, bem como do adulto cuja ação se organiza segundo as práticas de cuidado e proteção.

Texto completo:

Artigo


DOI: https://doi.org/10.14572/nuances.v16i17.323


Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Departamento de Educação da Faculdade de Ciências e Tecnologia/Unesp - Presidente Prudente.

Retornar ao portal de revistas
Menor Menor Médio Médio Maior Maior
Facebook Facebook Revista Nuances
Email nuances.fct@gmail.com