SER PROFESSOR/EDUCADOR E ENSINAR GEOGRAFIA: ALGUMAS REFLEXÕES

Marquiana de Freitas Vilas Boas Gomes

Resumo


A história da educação publica e da geografia escolar nos revela dois sentidos da educação: o da representação social e o da transformação. São dois caminhos opostos, cabendo a nós educadores decidirmos qual deles seguir. Daí a necessidade de refletirmos sobre o ser professor/educador e ensinar geografia, principalmente se pretendemos optar pelo segundo caminho: o da transformação. O papel da Geografia, nesse sentido, é de contribuir para a formação de cidadãos críticos, que pensem o espaço de forma menos caótica e sincrética, compreendendo as contradições e desigualdades da apropriação desse espaço. Para tanto, faz-se necessário definirmos a nossa concepção de geografia, traçarmos nossos objetivos conforme a realidade dos nossos alunos e a partir daí elencarmos os conteúdos pedagógicos e metodologias de ensino que favoreçam a compreensão do espaço.

Palavras-chave: Educação; Ensino de Geografia; Professor; Cidadão.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.33081/formacao.v1i8.1224

Revista Formação (Online). ISSN: 1517-543X. E-ISSN: 2178-7298

 

 

INDEXAÇÕES E BASES BIBLIOGRÁFICAS

                         

Imagem relacionada

Apoio