ESCRITA E REESCRITA: A CONTINUIDADE DO LETRAMENTO PARA ALUNOS DO 4º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

Silmara Regina Colombo

Resumo


Esta pesquisa teve por objetivo investigar como alunos do 4º ano do Ensino Fundamental aprimoram a linguagem escrita. A intervenção realizada baseou-se nas práticas de escrita como eixo estruturador do ensino de língua portuguesa visando ampliar as situações de letramento para além do que se refere à alfabetização inicial. O corpus analisado constitui-se de produções textuais de três alunos de uma escola pública do interior do Estado de São Paulo, realizadas em diferentes datas do ano letivo de 2013, possibilitando uma análise comparativa do progresso desses escritores iniciantes discutida à luz das fundamentações de Vygotsky e outros pesquisadores que figuram na bibliografia sobre o ensino de linguagem. Conclui-se que casos de encaminhamento ao atendimento psicológico, por se desviarem de um equivocado padrão normal de aprendizagem, são ocorrências esperadas no processo de aquisição da escrita e já estão devidamente explicadas nos estudos acadêmicos.

http://dx.doi.org/10.14572/nuances.v25i1.2667


Palavras-chave


Língua Portuguesa; Letramento; Prática de ensino; Reescrita

Texto completo:

ARTIGO


DOI: https://doi.org/10.14572/nuances.v25i1.2667


Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Departamento de Educação da Faculdade de Ciências e Tecnologia/Unesp - Presidente Prudente.

Retornar ao portal de revistas
Menor Menor Médio Médio Maior Maior
Facebook Facebook Revista Nuances
Email nuances.fct@gmail.com