FORMAÇÃO SÓCIO-ESPACIAL E COLONIZAÇÃO DO MUNICÍPIO DE TUNEIRAS DO OESTE (PR) BRASIL

Marcos Clair Bovo, Ricardo Luiz Töws, Cíntia Silvia Carvalho

Resumo


O presente artigo evidencia os fatores preponderantes para a formação sócio-espacial do município de Tuneiras do Oeste (PR), bem como o processo de colonização. Constitui-se de uma análise, frente ao levantamento histórico, dos fatores que proporcionaram a ocupação da região, e seus reflexos na organização geográfica da área em estudo. Para tanto, os instrumentos metodológicos selecionados para esta pesquisa foram as entrevistas e a fotografia, que possibilitaram a caracterização da formação do município por meio dos próprios personagens do período, os pioneiros, além da visualização das transformações do espaço geográfico por meio das fotografias antigas fornecidas pelos próprios colonizadores. Pretende-se, com estes relatos e informações preciosas acerca do período de colonização do município, criar um acervo histórico para o conhecimento dos moradores e demais estudiosos, tornando-se fontes históricas também para as futuras gerações.

Palavras-chave


Processo de colonização; fotografia; história oral; formação sócio-espacial

Texto completo:

PDF


Caderno Prudentino de Geografia - ISSN: 2176-5774

 

Associação dos Geógrafos Brasileiros - Seção Local Presidente Prudente/SP

Rua Roberto Simonsen, 305, Centro Educacional, CEP: 19.060-900, Presidente Prudente, São Paulo.