CAMPONESES ASSENTADOS NO PONTAL DO PARANAPANEMA NA DINÂMICA DA SUBORDINAÇÃO AO CAPITAL AGROINDUSTRIAL

Maria Aparecida Martins dos Santos, Carlos Alberto Feliciano, Daniel Christante Cantarutti, Gabriel Pereira, Giovana Carolina Sousa Oliveira Soares

Resumo


A região do Pontal do Paranapanema, localizada no Oeste do Estado de São Paulo, possui 117 assentamentos rurais frutos do processo de Reforma Agrária, se configurando como uma das regiões do Brasil onde a questão agrária se torna mais latente, sobretudo pela concentração de assentamentos rurais e quantidade de família assentadas. Diante disso, nos chama a atenção as discussões sobre as formas de reprodução destas famílias camponesas, das quais destaca-se a subordinação ao capital agroindustrial, levando-os à integração por meio da produção de pepinos para conserva. Os resultados da pesquisa revelam a subordinação da renda e do trabalho das famílias mostrando como essa dinâmica de produção controla o tempo, a produção e o trabalho e como coloca em risco a saúde das famílias pela quantidade de agrotóxicos utilizados.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.33026/peg.v20i1.6204

A Pegada está indexada em:

LATINDEX - http://www.latindex.unam.mx/

Sumarios.org - http://sumarios.org/

Scientific Indexing Services (SIS) - http://sindexs.org/

GEODADOS - http://geodados.pg.utfpr.edu.br/

Capes Periódicos - http://www.periodicos.capes.gov.br/

Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico (REDIB) - https://www.redib.org/

Directory of Open Acess Journals (DOAJ) - http://doaj.org/

EBSCO - https://www.ebsco.com/

ISSN: 1676-3025