O JEITINHO ESTRANGEIRO: AS ESTRATÉGIAS DO CONTROLE DO TERRITÓRIO POR ESTRANGEIROS NO BRASIL

Lorena Iza Pereira

Resumo


Desde o início do século XXI vivenciamos um período de intensificação do interesse global em terras, frequentemente intitulado na academia internacional como land grabbing. Embora se configure como um processo histórico em muitos países, há elementos que o torna singular na atualidade, como a presença do capital financeiro, impulsionadores e justificativas, o que necessita de novas estratégias de controle por parte dos agentes estrangeiros. O objetivo deste artigo é debater a respeito das estratégias do agronegócio estrangeiro para o controle do território no Brasil. Para atingir este objetivo utilizamos como procedimentos metodológicos uma densa revisão bibliográfica, bem como levantamento de dados quantitativos e qualitativos através do Banco de Dados da Luta pela Terra (DATALUTA). Como resultado podemos verificar diferentes estratégias utilizadas por empresas para o acesso ao território no Brasil, como fusões, joint-ventures e lacunas na legislação e que também há um intenso debate acerca de uma possível liberação apropriação de terras por estrangeiros.

Plavras-chave: Estrangeirização da terra. Controle do território. Land grabbing. Legislação.


Texto completo:

PDF


A Pegada está indexada em:

LATINDEX - http://www.latindex.unam.mx/

Sumarios.org - http://sumarios.org/

Scientific Indexing Services (SIS) - http://sindexs.org/

GEODADOS - http://geodados.pg.utfpr.edu.br/

Capes Periódicos - http://www.periodicos.capes.gov.br/

Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico (REDIB) - https://www.redib.org/

Directory of Open Acess Journals (DOAJ) - http://doaj.org/

EBSCO - https://www.ebsco.com/

ISSN: 1676-3025