EDUCAÇÃO FORMAL DE JOVENS DE ADULTOS:ALIENAÇÃO OU RESISTÊNCIA DOS TRABALHADORES DIANTE DA AGROINDÚSTRIA, NA CIDADE DE XAXIM – SC

Valdir Skrzypczak, Luiz Paulo Monteiro, Marli Terezinha Szumilo Schlosser, Carmen Rejane Flores Wizniewsky

Resumo


Resumo

O objetivo do texto é compreender a escolarização/(des)qualificação dos trabalhadores do campo e da cidade, com a chegada dos complexos agroindustriais na região Oeste de Santa Catarina, a partir da educação formal de Jovens e Adultos, voltada para a formação simples e parcial dos trabalhadores. A região possui relação de dependência com grandes agroindústrias, como a Brasil Foods (BRF), a Aurora e a Diplomata Industrial e Comercial Ltda. Os trabalhadores do campo e da cidade, vivenciam uma relação dialética de (des)qualificação, frente ao capital agroindustrial. O texto relatado se utiliza do método do materialismo dialético, no qual capital e trabalho não estão separados, mas unidos dialeticamente na produção capitalista. A área de estudo compreende o município de Xaxim, no Oeste de Santa Catarina, caracterizado pela presença de uma agroindústria de aves, além de um significativo setor de comércio e serviços, voltado para atender, em sua maioria, as necessidades do capital agroindustrial.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.33026/peg.v17i1.4408

A Pegada está indexada em:

LATINDEX - http://www.latindex.unam.mx/

Sumarios.org - http://sumarios.org/

Scientific Indexing Services (SIS) - http://sindexs.org/

GEODADOS - http://geodados.pg.utfpr.edu.br/

Capes Periódicos - http://www.periodicos.capes.gov.br/

Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico (REDIB) - https://www.redib.org/

Directory of Open Acess Journals (DOAJ) - http://doaj.org/

EBSCO - https://www.ebsco.com/

ISSN: 1676-3025