A CONDIÇÃO DE PROLETARIEDADE NA MODERNIDADE SALARIAL – POR UMA ANALÍTICA EXISTENCIAL DO PROLETARIADO

Giovanni Alves

Resumo


Nosso objetivo neste ensaio é apresentar o conceito de condição de proletariedade, considerado por nós como a condição existencial fundamental (e fundante) da modernidade do capital, que implica homens e mulheres despossuídos dos meios de produção de sua vida social, na situação de “classe social” do proletariado. A “classe” (entre aspas) do proletariado é o conjunto social de homens e mulheres, alienados da propriedade/controle social dos meios de produção da vida, que estão subsumidos a uma condição existencial histórico-particular – a condição de proletariedade.

 


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.33026/peg.v9i2.1672

A Pegada está indexada em:

LATINDEX - http://www.latindex.unam.mx/

Sumarios.org - http://sumarios.org/

Scientific Indexing Services (SIS) - http://sindexs.org/

GEODADOS - http://geodados.pg.utfpr.edu.br/

Capes Periódicos - http://www.periodicos.capes.gov.br/

Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico (REDIB) - https://www.redib.org/

Directory of Open Acess Journals (DOAJ) - http://doaj.org/

EBSCO - https://www.ebsco.com/

ISSN: 1676-3025