A ORGANIZAÇÃO DAS PROPRIEDADES EM RELAÇÃO À PRESERVAÇÃO AMBIENTAL NA COMUNIDADE DA SERRINHA DO MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DAS PALMEIRAS/PR

Marcelo Dornelis Carvalhal, Marcio Alexandre Portz

Resumo


O trabalho aborda a preservação ambiental dos camponeses da comunidade Serrinha no Município de São José das Palmeiras/PR. A preservação do meio ambiente feita pelos camponeses é devido o modo de vida camponês, baseado em práticas ecológicas (conservação dos solos e da água, praticas agrícolas, etc.), definidas a partir de critérios de subsistência de uma família. A evolução do modo de vida camponês apresenta relevantes práticas e organizações produtivas que se desdobram em formas de produção equilibradas com meio ambiente. Nas áreas estudadas, estas práticas se apresentam de forma a melhorar a condição natural dos elementos da propriedade. Os camponeses são uma “classe” vital para a continuação da biodiversidade natural dos ecossistemas, por apresentarem características no seu modo de vida finito em suas necessidades materiais.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.33026/peg.v13i2.1302

A Pegada está indexada em:

LATINDEX - http://www.latindex.unam.mx/

Sumarios.org - http://sumarios.org/

Scientific Indexing Services (SIS) - http://sindexs.org/

GEODADOS - http://geodados.pg.utfpr.edu.br/

Capes Periódicos - http://www.periodicos.capes.gov.br/

Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico (REDIB) - https://www.redib.org/

Directory of Open Acess Journals (DOAJ) - http://doaj.org/

EBSCO - https://www.ebsco.com/

ISSN: 1676-3025