A ATIVIDADE DE CARVOEJAMENTO E O RISCO A SAÚDE DA POPULAÇÃO DE RANCHO NOVO, CAETÉ - MG

Thiago Canettieri, Pedro Ricardo Fernandez, Ramon Finelli, Thiago Pereira

Resumo


A presente pesquisa busca analisar a relação existente entre a produção de carvão vegetal e a condição de saúde de uma população de baixa renda residente em Rancho Novo, distrito de Caeté, em Minas Gerais, Brasil. Para analisar a situação problema, optou-se por empregar o método da história oral, atrelado: 1) à técnica de pesquisa-entrevista despadronizada; 2) à análise rítmica climatológica; e 3) à análise do potencial hidrogeniônico das águas superficiais do entorno do povoado, com o objetivo de corroborar os possíveis riscos aos quais esta população pode estar submetida, devido à atividade carvoeira. Os resultados encontrados da pesquisa revelam uma forte relação entre os problemas de saúde da população, predominantemente respiratórios, e os produtos volatilizados oriundos do processo produtivo do carvão. 


Palavras-chave


Queima de biomassa; Carvoejamento; Riscos à saúde; Justiça Ambiental

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.33026/peg.v14i1.1027

A Pegada está indexada em:

LATINDEX - http://www.latindex.unam.mx/

Sumarios.org - http://sumarios.org/

Scientific Indexing Services (SIS) - http://sindexs.org/

GEODADOS - http://geodados.pg.utfpr.edu.br/

Capes Periódicos - http://www.periodicos.capes.gov.br/

Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico (REDIB) - https://www.redib.org/

Directory of Open Acess Journals (DOAJ) - http://doaj.org/

EBSCO - https://www.ebsco.com/

ISSN: 1676-3025