AS MARGARIDAS SEGUEM O CAMINHO, DO CAMPO ÀS RUAS, DAS RUAS AO CAMPO: A MULHER RURAL E SUA TRAJETÓRIA DE LUTA POR RECONHECIMENTO E DIREITOS

Larissa Araújo Coutinho de Paula

Resumo


Este artigo apresenta uma revisão bibliográfica que suscita reflexões sobre a participação das mulheres rurais em movimentos de luta por seus direitos e demandas. Nos espaços rurais a influência dos ideais feministas surgiu por intermédio de setores progressistas da igreja católica, propiciando ambientes nos quais as mulheres interagiam e formavam grupos de reivindicações. O crescimento destes grupos emergiu uma articulação nacional de mulheres rurais, que ao longo dos anos de luta obtiveram acesso a direitos até então negados a elas. Na conjuntura política atual essas mulheres enfrentarão novos desafios para manter a coesão de um grupo plural e resistir para que não sofram com a perda de direitos e das políticas públicas conquistadas.


Palavras-chave


Mulheres Rurais; Movimento Social; Relações de Gênero

Texto completo:

PDF


Caderno Prudentino de Geografia - ISSN: 2176-5774

 

Associação dos Geógrafos Brasileiros - Seção Local Presidente Prudente/SP

Rua Roberto Simonsen, 305, Centro Educacional, CEP: 19.060-900, Presidente Prudente, São Paulo.