GÊNERO E TRABALHO NA PRODUÇÃO DO ESPAÇO: As mulheres do café na periferia urbana de Vitoria da Conquista (BA)

Maria Franco Garcia, Jemmefer Souza Lebrão

Resumo


O objetivo deste texto é apresentar uma reflexão sobre o processo de expansão da cafeicultura no Planalto de Conquista e a sua relação com a produção da periferia urbana na cidade de Vitoria da Conquista, Bahia. Para isso, nos fundamentamos nas abordagens teóricas da Geografia do Trabalho e da Geografia do Gênero.  Mostramos como, a mobilidade da força de trabalho de homens e mulheres participou da configuração da forma urbana da cidade de Vitoria da Conquista, originando grande parte do que hoje conhecemos como sua periferia. Os resultados alcançados nos permitem afirmar que a produção da periferia urbana é parte do processo de mobilidade do trabalho ao tempo que, a reprodução desse espaço está condicionada pelas relações sociais de gênero.



Palavras-chave


espaço urbano, gênero, mobilidade do trabalho

Texto completo:

PDF


Caderno Prudentino de Geografia - ISSN: 2176-5774

 

Associação dos Geógrafos Brasileiros - Seção Local Presidente Prudente/SP

Rua Roberto Simonsen, 305, Centro Educacional, CEP: 19.060-900, Presidente Prudente, São Paulo.