1.
Hutta JS. TERRITÓRIOS AFETIVOS: CARTOGRAFIA DO ACONCHEGO COMO UMA CARTOGRAFIA DE PODER. Caderno Prudentino [Internet]. 1º de julho de 2020 [citado 7º de dezembro de 2022];2(42):63-89. Disponível em: https://revista.fct.unesp.br/index.php/cpg/article/view/7883