A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO CONTEXTUALIZADA PARA O DESENVOLVIMENTO DO SEMIÁRIDO/The importance of contextualized education for semiarid development

Jailton Santos Andrade, Silvia Aparecida de Souza Fernandes

Resumo


A educação pública brasileira está aquém do patamar de qualidade necessária ao desenvolvimento socioeconômicos do Brasil. Ao descaso da escola pública no atendimento à diversidade brasileira, os movimentos sociais, principalmente do campo, construíram uma práxis pedagógica ancorada na necessidade de emancipação dos sujeitos coletivos que efetivamente assumem o protagonismo na transformação das consciências e das relações sociais. A Educação do Campo é produto da sinergia de diversos movimentos sociais que almejam transformar as relações sociais e de produção com o intuito de promover a emancipação humana e o desenvolvimento social e econômico. Nesse contexto a Escola Família Agrícola do Sertão (EFASE) se reveste da mais alta importância para a convivência com o semiárido a partir da oferta de educação contextualizada a centenas de jovens camponeses por todo o semiárido, capacitando ou instrumentalizando filhos e filhas de camponeses para que assumam o protagonismo juvenil na transformação das estruturas sociais marcadas pela concentração fundiária, pelo coronelismo, pela indústria da seca e pelo monopólio do saber.


Palavras-chave


Escola Burguesa – Educação do Campo – Pedagogia da Alternância – Escola Família Agrícola do Sertão

Texto completo:

PDF


 

 

 

INDEXAÇÕES E BASES BIBLIOGRÁFICAS 
 


                          
Gale
                       
ExLibris header image


APOIO

IPEA - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada