NOTÍCIAS: Chamada para submissão de artigos – Dossiê I ELAMSS: Movimentos Socioterritoriais e Socioespaciais na América Latina

Em janeiro de 2019 celebramos no Instituto de Políticas e Relações Internacionais – IPPRI/UNESP, na cidade de São Paulo-Brasil, o primeiro Encontro Latino-americano de Movimentos Socioespaciais e Socioterritoriais, reunindo experiências de pesquisadores, estudantes de graduação e pós-graduação e representantes de movimentos da Argentina, Brasil, Colômbia, Costa Rica, México e Inglaterra. Os desafios da realidade atual associados ao avanço do modelo de desenvolvimento capitalista no campo e na cidade sobre os territórios e as formas de luta e resistência protagonizados pelos movimentos socioespaciais e socioterritoriais, promovem o diálogo no interior da geografia e com outras áreas do conhecimento, trazendo como elemento central o vínculo com os movimentos e suas práticas.

 

O I ELAMSS foi resultado de um processo de mais de trinta anos construído por pesquisadores de movimentos de vários países, que têm trabalhado com avanços teóricos, metodológicos e transformações das realidades em diversas dimensões e escalas. O espaço proporcionou um amplo debate entre a rede internacional de pesquisadores a respeito da contribuição da geografia e de outras áreas do conhecimento sobre os estudos de movimentos de todos os tipos, escalas, lugares e tendências. Permitindo também conhecer o conjunto das políticas públicas que nascem das ações dos movimentos socioespaciais e socioterritoriais para o desenvolvimento territorial nos países da América Latina. Visando como uma das principais contribuições, a superação do processo de criminalização dos movimentos, inclusive de preconceitos contra populações, raças, etnias e gêneros.

 

Motivados pelos resultados do Encontro e na busca contínua de compreender e refletir criticamente sobre os aportes teóricos das ciências humanas e, especialmente, da geografia latino-americana, assim como as relações entre políticas públicas e as ações dos movimentos socioespaciais e socioterritoriais na América Latina e em outros continentes, este dossiê tem como objetivo reunir artigos, fotografias, notas e relatórios de campo que promovam o debate teórico-metodológico dos movimentos latino-americanos, territórios e espaço produzidos tanto pelas suas estratégias de enfrentamento, como das disputas e conflitualidades contra o capital,  a violência, o neoextrativismo, o racismo, o patriarcado, a homofobia,  entre tantas outras expressões e formas de ataque contra as populações e comunidades tradicionais do campo e cidade.

 

A Revista NERA convida a todas e todos os participantes do I ELAMSS, a comunidade acadêmica e membros de movimentos para submeter artigos, fotografias, notas e relatórios de campo que permitam ampliar o diálogo frente a este cenário. Poderão ser submetidos trabalhos que abordem temáticas relacionadas com teorias e metodologias de pesquisa sobre espaço, território; movimentos socioespaciais e socioterritoriais; conflitos, lutas, resistências e ações de movimentos do campo e da cidade nas distintas escalas, tendências políticas e temas sociais; atualidade do processo de construção do conhecimento sobre movimentos socioespaciais, movimentos socioterritoriais e ativismos, e seu avanço na geografia brasileira e latino-americana.

 

Excepcionalmente, nesta edição especial, com o propósito de estimular o diálogo com outras áreas de conhecimento, a criação artística e as ações da comunidade acadêmica, ativismos e participantes de movimentos socioterritoriais e socioespaciais, a Revista NERA amplia a chamada para memórias/notas fotográficas inéditas, relacionadas ao tema “Movimentos latino-americanos: resistências, espaço e território”, a serem incluídas neste Dossiê.

O formato das memórias/notas fotográficas poderão ter uma extensão até de seis páginas (em formato word), todas as fotográficas deverão estar comentadas. As imagens obrigatoriamente deverão ser inéditas, com resolução de 2 até 5 megas.

 

Os artigos, notas e relatórios de campo deverão ser elaborados de acordo com as normas de publicação da Revista NERA disponíveis no endereço: http://revista.fct.unesp.br/index.php/nera/about/submissions#authorGuidelines. Os artigos deverão ser enviados em formato Word através do e-mail socioterritorial2019@gmail.com .

 

Calendário

Prazo final para envio de artigos, memórias, notas e relatórios de campo

31 de Janeiro de 2020

Divulgação dos pareceres

Março- Abril de 2020

Envio da versão final de acordo com os pareceres

Maio de 2020

Publicação do dossiê

Agosto de 2020