AS NOTÍCIAS DE JORNAIS COMO RECURSOS DIDÁTICOS: OS DESASTRES DE NATUREZA HIDROLÓGICA DO PONTO DE VISTA DA GEOGRAFIA E DA MÍDIA

Alexandre Antonio Abate, Ritielle Cristina Aparecido, Gabriel Vitor Nascimento Ferreira

Resumo


Neste artigo, apresentamos as principais análises e resultados obtidos através do desenvolvimento do projeto intitulado "Os desastres naturais do ponto de vista da Geografia e da mídia", o qual foi realizado com os alunos da Escola Estadual "Maria Luiza Formozinho Ribeiro", de Presidente Prudente - SP. Buscamos auxiliar os estudantes no entendimento de que, muitas vezes, a mídia, quando divulga casos de desastres de natureza hidrológica, ampara-se em intenções e ideologias específicas. Analisamos e desconstruímos notícias de jornais com o intuito de identificar como a mídia noticia tais desastres. Geralmente, os textos jornalísticos "naturalizam", através do sensacionalismo, os elementos causadores das inundações, das enchentes e dos alagamentos nos espaços urbanos, culpando o clima e/ou o tempo como os responsáveis pelos desastres naturais.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2018 Geografia em Atos (Online)

 ISSN: 1984-1647

E-mail para contato: geoatos.editorial@gmail.com

   Indexadores: (Em breve)