A TERRITORIALIZAÇÃO DA CANA-DE-AÇÚCAR E A PRODUÇÃO DE ALIMENTOS EM FLÓRIDA PAULISTA/SP

Valmir José de Oliveira Valério, Antonio Thomaz Júnior

Resumo


Tratamos aqui da expansão da cultura da cana-de-açúcar no município de Flórida Paulista/SP, no período de 1995/96 a 2007/2008, com base nos dados oficiais e observações empíricas realizadas in loco, com as atenções voltadas para a produção alimentar e o movimento de territorialização, desterritorialização e reterritorialização comandado pelo capital canavieiro, responsável pela atual formatação do espaço agrícola local e regional. Assim, buscamos entender as articulações engendradas pelo capital no processo de incorporação de terras ao seu empreendimento e as implicações na destinação de espaços à produção de alimentos constituintes da cesta básica que, atualmente, caracterizam-se cada vez mais como espaços residuais, acenando para um risco à Soberania Alimentar das populações.

Texto completo:

ARTIGO


DOI: https://doi.org/10.35416/geoatos.v1i11.430

Direitos autorais

 ISSN: 1984-1647

E-mail para contato: geoatos.editorial@gmail.com

 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.

  

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS

  BASE LogoResultado de imagem para PERIÓDICOS CAPESResultado de imagem para sumarios.orgThumbnailResultado de imagem para redib

 
 Resultado de imagem para DRJI                                                    Resultado de imagem para MIAR INDEXADORResultado de imagem para latindexResultado de imagem para google scholar Resultado de imagem para J4F INDEXADOR