EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA EM JUNQUEIRÓPOLIS/SP*

Silvana Mendes, Margarete Cristiane de Costa Trindade Amorim

Resumo


Este artigo resultou de uma pesquisa de dissertação de mestrado profissional em geografia, na qual se objetivou avaliar as ações de Educação Ambiental em Junqueirópolis/SP com o intuito de divulgar a implantação da coleta seletiva no município. Nesse trabalho, foram descritas as ações realizadas para a mobilização da sociedade local de modo a impulsionar a participação em tal iniciativa. Assim, realizou-se uma pesquisa aplicada buscando-se nas escolas, especialmente nas escolas públicas municipais, bem como na Diretoria Municipal da Educação e na coordenação das atividades realizadas pela Associação de Catadores de Junqueirópolis (ACAJUNQ), os projetos de educação ambiental desenvolvidos para divulgar a implementação da coleta seletiva. Por meio de pesquisas bibliográficas e entrevistas aplicadas, constatou-se que a implantação da coleta seletiva no município teve sucesso, sobretudo, devido à parceria das escolas públicas municipais, onde foram desenvolvidos trabalhos teóricos e práticos de conscientização como gincanas, leituras, seminários, apresentações públicas, passeatas, jogos, pesquisas e ações contínuas, e que mediante esses trabalhos divulgou-se a coleta seletiva no município, conseguindo-se a adesão de quase 95% da população.


Texto completo:

PDF

Referências


BERTÉ, R. EDUCAÇÃO AMBIENTAL construindo valores de cidadania. Curitiba: Champagnat, 2004. 115 p.

BESEN, G. R. Programa de Coleta Seletiva de Londrina: caminhos inovadores rumo à sustentabilidade. In JACOBI. Pedro. Organizador. Gestão compartilhada dos resíduos sólidos no Brasil: inovação com inclusão social. São Paulo: Annamblume, 2006. 163 p.

BRASIL. Lei n. 9.394 de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Disponível em: .

Acesso em 15 mai. 2013.

CETESB. Inventário Estadual de resíduos sólidos urbanos 2013 [recurso eletrônico]. São Paulo: CETESB, 2014. 118 p.: Il. color. (Série relatórios/ Secretaria do Meio Ambiente). Disponível em: < http://www.cetesb.sp.gov.br/solo/publicações-e-Relatórios/1-Publicações-/-Relatórios>. Acesso em: 04 de jul. 2014.

DIAS, G. F. EDUCAÇÃO AMBIENTAL: princípios e práticas, 6ª ed. rev e ampl., São Paulo: Gaia, 2000. 552 p.

FIGUEIREDO, M. do A. C de. Dialogando com Freire e Boaventura sobre emancipação humana, multiculturalismo e educação popular. V Colóquio Internacional Paulo Freire – Recife, 19-22 set. 205. Disponível em: (Acesso em 20/08/2011).

FUZARO, J. A; RIBEIRO, L. T. Coleta Seletiva para prefeituras, 5ª ed., São Paulo: SMA/CPLEA, 2007, 36p. il.

GADOTTI, M. Paulo Freire e a educação popular. Revista trimestral de debate de fase, n. 113. Disponível em: . Acesso em: mai. 2013.

HENARES, E. L. Educação ambiental e resíduos sólidos: a ação da COOPERLIX em Presidente Prudente-SP. 2006, 148 p. Il. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade Estadual Paulista, Presidente Prudente.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo Demográfico 2010. Disponível em: . Acesso em: 05 mai. 2010.

JACOBI, P. Educação Ambiental, Cidadania e Sustentabilidade. Cadernos de Pesquisa, [S.l], n. 118, p. 189-205, mar. 2003.

LOGAREZZI, A. Contribuições conceituais para o gerenciamento de resíduos sólidos e ações de educação ambiental. In LEAL, A. C. et al. Resíduos sólidos no Pontal do Paranapanema. Presidente Prudente: Antonio Thomas Junior, 2004, p. 218-246.

MENDES, S. A gestão dos resíduos sólidos urbanos em Junqueirópolis: algumas considerações. 2009, 64 p. Il. Monografia - Universidade Estadual Paulista -UNESP – Faculdade de Ciência e Tecnologia: Presidente Prudente – SP.

SÃO PAULO. (Estado) Secretaria da Educação. Currículo do Estado de São Paulo: Ciências da Natureza e suas Tecnologias. São Paulo: SEE, 2010.

TEIXEIRA. E. N.; BIDONE. F. R. Conceitos Básicos. In: BIDONE. Francisco Ricardo. Metodologias e Técnicas de Minimização, Reciclagem, e reutilização de Resíduos Sólidos Urbanos . (org) Rio de Janeiro: ABES – Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental, 1999, p. 15 – 21.




DOI: https://doi.org/10.33081/formacao.v26i48.5159

Revista Formação (Online). ISSN: 1517-543X. E-ISSN: 2178-7298

 

 

INDEXAÇÕES E BASES BIBLIOGRÁFICAS

                         

Imagem relacionada

Apoio