ESTADO, ESTADO DO BEM-ESTAR SOCIAL E SOCIEDADE: AS POLÍTICAS SOCIAIS E A QUESTÃO DA POBREZA EM UMA PERSPECTIVA MULTIDISCIPLINAR

Elicardo Heber de Almeida Batista

Resumo


A temática da pobreza tem ocupado um lugar de destaque nas agendas públicas nacionais e internacionais, e diferentes governos, entre eles, o brasileiro, têm ampliado programas e políticas de enfrentamento à pobreza, pelo menos nos últimos anos do século XX e, de forma mais expressiva, após a década de 1990. Este artigo tem como principal objetivo sistematizar e apresentar os conceitos relativos à pobreza e aos indicadores deste fenômeno social. Serão também discutidos conceitos que trazem em sua essência elementos promotores das desvantagens sociais, em especial a exclusão e a marginalização social. Mesmo considerando as distintas perspectivas sobre a pobreza, com a complexidade que será abordada nesta discussão, ao longo do texto, será apresentada uma proposta de abordagem desse conceito para o entendimento de realidades específicas no Brasil, notadamente para tratar de experiências locais marcadas pela pobreza econômica. Ademais, o texto também apresentará um debate teórico, evidências empíricas e indicadores sobre pobreza e exclusão social na Europa, sobretudo no caso português.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.33081/formacao.v26i48.4952

Revista Formação (Online). ISSN: 1517-543X. E-ISSN: 2178-7298

 

 

INDEXAÇÕES E BASES BIBLIOGRÁFICAS

                         

Imagem relacionada

Apoio