ANÁLISE DA TEMPERATURA DA SUPERFÍCIE POR MEIO DE IMAGENS LANDSAT-8: ESTUDO DE CASO PARA O MUNICÍPIO DE JAGUARI/RS/BRASIL

Bruno Zucuni Prina, Romario Trentin

Resumo


O objetivo geral deste trabalho é analisar a correlação existente entre o mapeamento do uso da terra e da temperatura da superfície (em graus Celsius), utilizando imagens do satélite Landsat-8, tendo como área de estudo o município de Jaguari/RS/Brasil. Dessa forma, houve a realização da quantificação dos usos da terra que possuem menor/maior propensão ao aumento/diminuição da temperatura da superfície. Metodologicamente, realizou-se, de forma resumida, a confecção de um mapa de uso da terra e outro de temperatura da superfície, e, ao final, correlacionaram-se os dados. Destaca-se que todas as abordagens práticas foram realizadas por meio do aplicativo ArcGIS®. Entre os resultados obtidos, salienta-se que houve uma alta correlação entre os usos da terra com incidência de áreas verdes (como a vegetação, as lavouras e as áreas úmidas - lavouras de arroz) com as menores temperaturas registradas, por outro lado, áreas de solo exposto e de campos apresentaram as maiores temperaturas. Destarte, conclui-se que há formação de manchas de calor nas áreas discretizadas como de solo exposto e áreas de campo, ou seja, locais em que há uma mínima incidência de áreas verdes. Assim, adensa-se a importância da existência (e preservação) de áreas verdes, por serem responsáveis por regular o clima em escala local.

Texto completo:

PDF


Revista Formação (Online). ISSN: 2178-7298. ISSN-L: 1517-543X