Características geoambientais e avaliação da fragilidade climática da Sub-Bacia Hidrográfica do rio do Cais (PI)

Francílio de Amorim dos Santos, Cláudia Maria Sabóia de Aquino

Resumo


O presente estudo objetivou delimitar a área drenada pela Sub-Bacia Hidrográfica do rio do Cais (SBHRC), compartimentar os setores da Sub-Bacia, realizar o cálculo dos parâmetros do Balanço Hídrico (BH) e identificar os setores com maior fragilidade climática. A SBHRC possui 210 canais de 1ª ordem, 42 de 2ª ordem, 7 de 3ª ordem, 2 de 4ª ordem e 1 segmento de 5ª ordem, cuja densidade de drenagem é igual a 0,35 km/km2 e densidade de rios igual a 0,1 canis/km2.A SBHRC foi dividida nos seguintes setores: setor A (alto curso), que representa 39,2% da área, setor B (médio curso) e abrange 37,7%, setor C (baixo curso) e corresponde a 23,1% da Sub-Bacia. Os dados do BH apontam que os setores A, B e C possuem, respectivamente, 32,3%, 33% e 34,5% de suas áreas com 1.000 a 1.100 mm anuais de precipitação, concentradas principalmente de janeiro a maio e ocorrência de 8 a 10 meses secos, resultando em elevadas taxas de Evapotranspiração Potencial e a Evapotranspiração Real. O setor A, B e C apresentam, respectivamente, 27,7%, 38,4% e 44,6% de suas áreas com nível alto a muito alto de aridez, resultado das peculiaridades dos climas subúmido seco e semiárido.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.33081/formacao.v2i23.3852

Revista Formação (Online). ISSN: 1517-543X. E-ISSN: 2178-7298

 

 

INDEXAÇÕES E BASES BIBLIOGRÁFICAS

                         

Imagem relacionada

Apoio