Urbanização e rede urbana na Amazônia Setentrional Amapaense

Emmanuel Raimundo Costa Santos

Resumo


Este artigo tem como propósito apresentar algumas particularidades da articulação espacial da denominada Amazônia Setentrional Amapaense (ASA), sobretudo, a partir da dinâmica da urbanização do estado do Amapá e da estruturação de sua rede urbana. Tal dinâmica será tratada através de considerações sobre a urbanização da Amazônia e a condição complexa de sua rede urbana, do processo de urbanização concentrada ocorrido na ASA, da centralidade urbana exercida pela aglomeração urbana Macapá-Santana e da caracterização de uma rede urbana constituída por pequenas cidades. A escala de análise sobre essa sub-região amazônica teve como orientação metodológica a noção de redes de proximidade territorial e utilizou-se da pesquisa de dados indiretos obtidos junto ao Censo Demográfico Brasileiro de 2010, do estudo da Região de Influência das Cidades - REGIC, de referencial bibliográfico sobre urbanização, cidades e rede urbana na Amazônia, além de ter se valido de observações empíricas feitas durante trabalho de campo pelos principais eixos fluviais e rodoviários de circulação e articulação dos núcleos urbanos dessa porção do espaço amazônico.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.33081/formação.v2i19.1720

Revista Formação (Online). ISSN: 1517-543X. E-ISSN: 2178-7298

 

 

INDEXAÇÕES E BASES BIBLIOGRÁFICAS

                         

Imagem relacionada

Apoio