APLICAÇÃO DE METODOLOGIA DE BAIXO CUSTO NA RECUPERAÇÃO DE EROSÃO EM ÁREA RURAL LOCALIZADA NO MUNICÍPIO DE PRESIDENTE PRUDENTE – SP

Renata Menezes Severiano, Daniel Turino Silva, João Osvaldo Rodrigues Nunes

Resumo


Os processos de modificações dos ambientes, como erosão e formação dos solos, ocorrem naturalmente. Contudo, as atividades que geram valores econômicos e sociais tendem a acelerar esses processos e, por vezes, exploram o recurso solo acima de sua resiliência, provocando degradação. Este trabalho teve como objetivo a recuperação de foco erosivo linear, do tipo ravina, em área rural localizada em Presidente Prudente - São Paulo, aplicando-se estruturas de bioengenharia constituídas de barreiras de bambus e sacarias de juta. Foi realizada a medição de deposição de sedimentos por meio de vergalhões instalados à montante e à jusante de cada barreira. Constatou-se que a deposição de sedimentos foi maior que a erosão em todos os pontos de controle, evidenciando a eficiência das barreiras na retenção de sedimentos. As barreiras também contribuíram para retenção de componentes orgânicos, como folhas e galhos que, ao se decomporem, aumentam a coesão entre as partículas do solo, contribuindo para formação de agregados, aumento de porosidade e diminuição do escoamento superficial.


Palavras-chave


Erosão linear. Recuperação de áreas degradadas. Bioengenharia. Barreiras de bambus.

Texto completo:

PDF


Caderno Prudentino de Geografia - ISSN: 2176-5774

 

Associação dos Geógrafos Brasileiros - Seção Local Presidente Prudente