A ESPACIALIDADE DAS POLÍTICAS PÚBLICAS NO BRASIL: ASPECTOS TEÓRICOS PARA AGENDA DA GEOGRAFIA BRASILEIRA

Vanessa Teixeira

Resumo


O presente artigo, de cunho teórico propõe apresentar uma breve fundamentação teórico-conceitual em referência as políticas públicas enquanto elemento que qualifique para uma abordagem das estratégias de desenvolvimento no território, como forma de contribuir a agenda da Geografia Contemporânea, uma vez que, grande parte das discussões apresentadas são produtos da organização política do país. No intuito de atingir com os objetivos proposto foram utilizados os estudos de Ribeiro (2014); Mello-Théry (2011); Melozzo (2010); Rodrigues (2014); Souza (2006; 2003) Trevisan; Bellen (2008); Frey Klaus (2000); Serpa (2011); e outros. Também, buscou-se fazer um levantamento dos estudos recentes em periódicos da Geografia. Tal análise permitiu compreender as transformações e ações do Estado no contexto Brasileiro e a importância da instância geográfica para os estudos de políticas públicas.

 


Texto completo:

PDF


Caderno Prudentino de Geografia - ISSN: 2176-5774

 

Associação dos Geógrafos Brasileiros - Seção Local Presidente Prudente/SP

Rua Roberto Simonsen, 305, Centro Educacional, CEP: 19.060-900, Presidente Prudente, São Paulo.