CONTRIBUTO DO TRABALHO COLABORATIVO PARA O DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL DE PROFESSORES DE FÍSICA E QUÍMICA

Mônica Luísa Mendes Baptista, Ana Maria Viegas Lindo Martins da Silva Freire

Resumo


O presente artigo relata um estudo que teve como finalidade conhecer o que pensam os professores sobre o papel do trabalho colaborativo para o seu desenvolvimento profissional. A colaboração foi promovida entre professoras e investigadora durante um Programa de Formação (PF) que pretendeu levar à concepção e implementação de tarefas de investigação na sala de aula. Os dados foram recolhidos recorrendo-se a entrevistas, a reflexões escritas elaboradas após cada sessão do PF e a gravações áudio tanto das sessões do PF, como das aulas assistidas das professoras. Os resultados mostram que as professoras consideraram que o trabalho colaborativo, levado a cabo com a investigadora durante o PF, promoveu a realização de aprendizagens relacionadas com a aplicabilidade da teoria à prática, com a elaboração das tarefas de investigação e com a sua implementação na sala de aula. O aprender a ensinar tarefas de investigação contribuiu, inevitavelmente, para o seu desenvolvimento profissional.

http://dx.doi.org/10.14572/nuances.v19i20.977


Palavras-chave


desenvolvimento profissional; colaboração; formação de professores; investigação em educação

Texto completo:

ARTIGO


DOI: https://doi.org/10.14572/nuances.v19i20.977


Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Departamento de Educação da Faculdade de Ciências e Tecnologia/Unesp - Presidente Prudente.

Retornar ao portal de revistas
Menor Menor Médio Médio Maior Maior
Facebook Facebook Revista Nuances
Email nuances.fct@gmail.com