A Experiência De Ser Coordanadora De Creche: Depoimentos Conduzindo A Uma Reflexão E Conscientização De Uma Profissional De Psicologia Escolar

Renata Maria Coimbra Libório

Resumo


A presente pesquisa refere-se a busca empreendida por mim, enquanto psicologia escolar, no sentido de compreender a experiência das coordenadoras de creche com as quais trabalhava, através do contato com sua realidade e necessidades. Para possibilitar essa compreensão, foram obtidos depoimentos gravados e, posteriormente, transcritos. Ao interpretar esses depoimentos, centrei minha atenção na dimensão mais subjetiva presente nos relates, relacionada aos sentimentos que emergiram da experiência de ser coordenadora de creche. No encaminhamento da discussão desse trabalho, são apontadas as seguintes questões: a desvalorização existente frente a prática das profissionais de creche e a essa instituição educativa de modo geral; a modificação que esse processo de pesquisa promoveu em mim, enquanto profissional, e a necessidade de trabalharmos em prol do reconhecimento dos profissionais de creche, pela qualidade e empenho ao trabalho oferecido a comunidade de baixa renda.


Palavras-chave


Psicologia Escolar; Educação Infantil; Creche; Pesquisa Qualitativa; Relatos Orais.

Texto completo:

Artigo


DOI: https://doi.org/10.14572/nuances.v4i4.79


Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Departamento de Educação da Faculdade de Ciências e Tecnologia/Unesp - Presidente Prudente.

Retornar ao portal de revistas
Menor Menor Médio Médio Maior Maior
Facebook Facebook Revista Nuances
Email nuances.fct@gmail.com