CONCEPÇÕES & PRÁTICAS DE ALTERNANCIAS NA EDUCAÇAO DO CAMPO: DILEMAS E PERSPECTIVAS

Lourdes Helena da Silva

Resumo


Nos últimos anos temos acompanhado a emergência e expansão de diversas experiências educacionais, inclusive de políticas públicas, que assumem a pedagogia da alternância como um dos eixos centrais de suas propostas de formação. Neste contexto, emergem, também, uma diversidade de concepções de alternância que, ao mesmo tempo em que favorece certa “confusão” em torno desta modalidade pedagógica, também instiga e estimula esforços teóricos na busca de uma melhor compreensão sobre essa modalidade de formação. É com este propósito que, no presente artigo, buscamos apresentar um panorama das experiências de alternância em curso na nossa sociedade, identificando as concepções que orientam seus projetos pedagógicos. Buscamos, ainda, em dialogo com a produção teórica da área, apresentar as características de práticas de alternâncias existentes, de maneira a analisar alguns dos desafios vivenciados por essas experiências educativas na consolidação da educação e da escola do campo.


Palavras-chave


Pedagogia da Alternância; educação do campo; Centros de formação por alternância

Texto completo:

ARTIGO


DOI: https://doi.org/10.14572/nuances.v17i18.760


Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Departamento de Educação da Faculdade de Ciências e Tecnologia/Unesp - Presidente Prudente.

Retornar ao portal de revistas
Menor Menor Médio Médio Maior Maior
Facebook Facebook Revista Nuances
Email nuances.fct@gmail.com