FORMAÇÃO DE PROFESSORES E ATIVIDADES DE LEITURA LITERÁRIA EM UMA PERSPECTIVA HISTÓRICO-CRÍTICA: REALIDADE E POSSIBILIDADES

Elza Tie Fujita, Sandra Aparecida Pires Franco

Resumo


Este estudo tem como objetivo analisar as percepções docentes acerca da efetivação da práxis didático-pedagógica com atividades de Leitura Literária em uma perspectiva Histórico-Crítica, com o intuito de discutir suas possíveis contribuições para a formação docente. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, de abordagem crítico-dialética, cuja análise e reflexões realizadas, foram pautadas nos pressupostos da Pedagogia Histórico-Crítica. Como instrumentos de produção de dados, foram utilizados observações em sala de aula e a coleta de dados por meio de um questionário com questões abertas. Saliente-se que a investigação envolveu uma escola da Educação Básica localizada no município de Londrina, Paraná, da qual foram selecionadas duas turmas do 9º ano e suas respectivas professoras de Língua Portuguesa. Os resultados indicaram a importância da junção teoria e prática na concretização da práxis educativa com o intuito de possibilitar a humanização do sujeito de forma crítica e universal.

 

 

Palavras-chave: Formação de professores; Atividades de leitura literária; perspectiva histórico-crítica; Realidade e possibilidades.

 


Palavras-chave


Formação de professores; Atividades de leitura literária; perspectiva histórico-crítica; Realidade e possibilidades.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14572/nuances.v28i2.5085


Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Departamento de Educação da Faculdade de Ciências e Tecnologia/Unesp - Presidente Prudente.

Retornar ao portal de revistas
Menor Menor Médio Médio Maior Maior
Facebook Facebook Revista Nuances
Email nuances.fct@gmail.com