DA PASSIVIDADE À COMPREENSÃO E PARTICIPAÇÃO CRÍTICA: ANÁLISE DO PROCESSO DE LEITURA POR FRUIÇÃO

Marcela Fernandes Silva, Cláudia Gomes

Resumo


Este relato de experiência, tem por intuito descrever a intervenção desenvolvida por meio do projeto “Da passividade à compreensão e participação crítica: análise do processo de leitura por fruição”, foi idealizado e desenvolvimento como uma ação formativa do Estágio Obrigatório em Educação infantil do Curso de Pedagogia na Universidade Federal de Alfenas – UNIFAL-MG, realizado na Escola Municipal de Educação Infantil Professora Verenice da Silva Csizmar “Lago Azul” no município de Alfenas-MG. Para isso, foram realizados 19 encontros, que nos permitiram, observar a rotina da escola, conhecer os alunos e a professora, as relações que eram estabelecidas na instituição e a forma com que trabalhavam a leitura com as crianças. Com o objetivo de desenvolver ações que possibilitassem que as crianças participassem da contação de história e não apenas as escutassem. A intervenção priorizou a contação de história por fruição participativa das crianças, por meio de uma ação mediadora. 


Palavras-chave


Desenvolvimento infantil; Imaginação; Leitura por fruição.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14572/nuances.v28i3.4610


Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Departamento de Educação da Faculdade de Ciências e Tecnologia/Unesp - Presidente Prudente.

Retornar ao portal de revistas
Menor Menor Médio Médio Maior Maior
Facebook Facebook Revista Nuances
Email nuances.fct@gmail.com