DA CONSTATAÇÃO À INTERVENÇÃO: O ENSINO DA GINÁSTICA NO ÂMBITO ESCOLAR

Marilene Cesário, Ana Maria Pereira, Katia Simone Martins Mortari, Tony Honorato

Resumo


A Educação Física Escolar promove a experimentação, a vivência, a compreensão e a apropriação das manifestações da motricidade humana, entre elas, a Ginástica. Constatamos, por meio das publicações científicas e das experiências docentes em diferentes níveis de ensino, que o conteúdo, a Ginástica, na maioria das vezes, não é ensinado na escola. Inferimos que isso ocorre também em razão de limites de fundamentação teórico-metodológica e de organização desses conteúdos. Assim, propomos aqui apresentar resultados do projeto A organização do conhecimento da Ginástica na escola. A orientação metodológica recaiu sobre a pesquisa-ação, o que nos possibilitou a constatação da realidade, a intervenção pedagógica e a seleção de conteúdos. Como desfecho, temos uma relação dinâmica e complexa entre teoria dos discursos acadêmicos de formação de professores e a prática real da sala de aula.

http://dx.doi.org/10.14572/nuances.v27i1.3992


Palavras-chave


Ginástica; Saberes; Educação Física; Formação de Professores; Escola.

Texto completo:

ARTIGO


DOI: https://doi.org/10.14572/nuances.v27i1.3992


Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Departamento de Educação da Faculdade de Ciências e Tecnologia/Unesp - Presidente Prudente.

Retornar ao portal de revistas
Menor Menor Médio Médio Maior Maior
Facebook Facebook Revista Nuances
Email nuances.fct@gmail.com