A QUALIDADE DO CONTEXTO NA EDUCAÇÃO DE INFÂNCIA PERSPETIVADA ATRAVÉS DA ESCOLHA E DO ENVOLVIMENTO

Dalila Lino

Resumo


As escolhas que fazemos ao longo do nosso percurso de vida definem quem somos, quer do ponto de vista pessoal quer do ponto de vista profissional e social. O principal objetivo deste estudo é avaliar e promover o desenvolvimento de um curriculum para a educação de infância que promova a competência da escolha e tomada de decisão das crianças em idade pré-escolar. A metodologia usada é o estudo de caso de natureza qualitativa e os dados são recolhidos através da Escala do Envolvimento e da análise das planificações das educadoras. O estudo desenvolveu-se em 3 salas de educação pré-escolar da rede pública e envolveu 48 crianças e 3 educadoras de infância. Os dados sugerem que existe uma relação entre a competência da escolha e tomada de decisão das crianças e o seu envolvimento nas atividades, quer nas atividades auto iniciadas quer nas atividades propostas pelas educadoras. A análise dos dados é sustentada nas teorias e abordagens pedagógicas de Dewey, Freinet, Malaguzzi e Weikart.

http://dx.doi.org/10.14572/nuances.v25i3.3201


Palavras-chave


Escolha; Envolvimento; Educação de Infância

Texto completo:

ARTIGO


DOI: https://doi.org/10.14572/nuances.v25i3.3201


Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Departamento de Educação da Faculdade de Ciências e Tecnologia/Unesp - Presidente Prudente.

Retornar ao portal de revistas
Menor Menor Médio Médio Maior Maior
Facebook Facebook Revista Nuances
Email nuances.fct@gmail.com