“COM OLHOS DE CRIANÇA”: A METODOLOGIA DE PESQUISA COM CRIANÇAS PEQUENAS NO CENÁRIO BRASILEIRO

Silvia Adriana Rodrigues, Tammi Flavie Peres Borges, Anamaria Santana da Silva

Resumo


O movimento da Sociologia da Infância tem contribuído significativamente para a percepção das crianças como atores sociais, que estabelecem interações significativas com pessoas e instituições ao mesmo tempo em que desenvolvem estratégias de participação no mundo; pensá-las como atores é também considerá-las como informantes competentes em processos de investigação científica. No Brasil há um esforço para a produção de investimentos teóricos e desenvolvimento de estudos que contribuam para a construção de uma metodologia de pesquisa com crianças. Diante desta premissa, o presente artigo tem como proposta evidenciar as possibilidades da metodologia de pesquisa que elege a criança como protagonista; para tanto, resgatamos sumariamente algumas investigações realizadas no Brasil que adotaram a concepção de criança capaz de estabelecer relações, além de destacar as possibilidades do uso de instrumentos que visam amparar uma metodologia coerente e específica para a pesquisa com crianças.

http://dx.doi.org/10.14572/nuances.v25i2.3188


Palavras-chave


Pesquisa com criança(s); Protagonismo infantil; Metodologia de pesquisa; Sociologia da Infância

Texto completo:

ARTIGO


DOI: https://doi.org/10.14572/nuances.v25i2.3188


Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Departamento de Educação da Faculdade de Ciências e Tecnologia/Unesp - Presidente Prudente.

Retornar ao portal de revistas
Menor Menor Médio Médio Maior Maior
Facebook Facebook Revista Nuances
Email nuances.fct@gmail.com