CONCEPÇÕES DOS PROFESSORES DA EDUCAÇÃO INFANTIL A RESPEITO DO PROCESSO AVALIATIVO

Josiane de Almeida Trevisani, Moacir Pereira de Souza Filho

Resumo


O artigo apresenta como tema o processo avaliativo. Partindo do pressuposto de que há uma dicotomia entre teoria e prática, este artigo tem por objetivo investigar as práticas de professores das creches e pré-escolas do município de Presidente Prudente. Sua finalidade é verificar se a “avaliação mediadora” tem sido preterida em função do cumprimento das exigências burocráticas. O instrumento de investigação se baseou num um questionário aberto e o método de investigação esteve fundamentado na “Análise de Conteúdo”. Os resultados evidenciaram, que a maioria dos professores acompanha o desenvolvimento dos alunos, principalmente, por meio de portifólios. Eles conhecem as diretrizes curriculares, embora desconhecam os referenciais teóricos. Eles se mostraram favoráveis a alfabetização precoce e apontaram como principal carência a necessidade da orientação de outros profissionais.

http://dx.doi.org/10.14572/nuances.v26i2.3036


Palavras-chave


Educação Infantil; Avaliação; Professores da Educação Infantil

Texto completo:

ARTIGO


DOI: https://doi.org/10.14572/nuances.v26i2.3036


Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Departamento de Educação da Faculdade de Ciências e Tecnologia/Unesp - Presidente Prudente.

Retornar ao portal de revistas
Menor Menor Médio Médio Maior Maior
Facebook Facebook Revista Nuances
Email nuances.fct@gmail.com