'O QUE PENSAM OS PROFESSORES EM FORMAÇÃO INICIAL SOBRE A 'GAGUEIRA'

Viviane Villani, Daniela Thais Curriel, Cristiane Moço Canhetti Oliveira

Resumo


A educação escolar tem por objetivo, dentre outros, aprimorar o desenvolvimento da comunicação humana através da linguagem oral, gestual e escrita. Estudos tem mostrado que os distúrbios da comunicação humana podem interferir na socialização primaria e secundaria da criança e prejudicar o processo da aprendizagem escolar. A detecção e tratamento precoces destes distúrbiossãoimprescindíveisa inserção social da criança e neste sentido os professores das series iniciais desempenham papel fundamental. Dentre os distúrbios da comunicação humana que afetam a socialização da criança e que podem implicar distúrbios de aprendizagem, sobretudo de leitura e escrita, destaca-se a gagueira. A complexidade e relevância dessa problemática para o processo da aprendizagem escolar ao lado da grande incidência de crianças em fase de alfabetização com gagueira impõem investiga-la na interface Educação e Fonoaudiologia. Com este objetivo, através de questionáriosemiestruturado, identificamos concepções e atitudes de professores em formação inicial (alunos do 3° ano de um curso de Pedagogia), sabre gagueira (etiologia, sintomatologia e tratamento) e suas possíveis relações com o ensino e a aprendizagem da leitura e escrita de crianças com o problema. Os resultados preliminares denotam a importância deste estudo como um caminho para melhor compreender a problemática da 'gagueira' e favorecer a construção de saberes pedagógicos necessáriosa socialização e a aprendizagem de crianças com o problema.


Texto completo:

Artigo


DOI: https://doi.org/10.14572/nuances.v7i7.139


Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Departamento de Educação da Faculdade de Ciências e Tecnologia/Unesp - Presidente Prudente.

Retornar ao portal de revistas
Menor Menor Médio Médio Maior Maior
Facebook Facebook Revista Nuances
Email nuances.fct@gmail.com