Políticas Editoriais

Foco e Escopo

ISSN: 2236-0441

Nuances: estudos sobre Educação é uma revista online quadrimestral, de  acesso aberto e gratuito , que publica trabalhos originais na área de Educação. Nuances visa publicar artigos inéditos resultantes de pesquisas, de estudos teóricos, de traduções, de resenhas, de reflexões críticas sobre experiências pedagógicas e outros documentos de interesse da área de Educação e de áreas afins.

 

Políticas de Seção

Artigos - FLUXO CONTÍNUO

Submissão de artigos crítico-analíticos com aporte em estudos teórico-metodológicos e com temáticas relacionadas com a área da Educação e Escopo da revista Nuances. Nessa seção não será aceito relatos de pesquisa e nem relatos de experiências de práticas pedagógicas. Os artigos devem estar de acordo com as  Normas indicadas em “Submissões – Condições para Submissão” na página Nuances.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

EXPERIÊNCIAS PEDAGÓGICAS

Recebe artigos com fundamentação teórica e metodológica que versam sobre práticas pedagógicas desenvolvidas. Não serão aceitos, nessa seção, apenas ‘relatos de experiência’. Ou seja, artigos sem fundamentação teórica da prática pedagógica apresentada não serão aceitos. Os artigos devem estar de acordo com as Normas de publicação acadêmica da Nuances.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Artigos - DISSERTAÇÕES E TESES

Submissão de artigos com fundamentação teórica e metodológica que versam sobre práticas pedagógicas. Não serão aceitos, nessa seção, apenas de ‘relatos de experiência’, ou seja, sem fundamentação teórica da prática pedagógica que está sendo apresentada. Os artigos devem estar de acordo com as Normas indicadas em “Submissões – Condições para Submissão” na página Nuances

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Artigos - RESENHAS

Submissão de artigos originais com análises críticas sobre obras publicadas em formato de livros e lançadas nos últimos ‘três anos’, no Brasil ou no exterior. A quantidade de páginas deve respeitar o mínimo de 03 páginas até, no máximo, 05 páginas. Os artigos devem estar de acordo com as Normas indicadas em “Submissões – Condições para Submissão” na página Nuances.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares
 

Processo de Avaliação pelos Pares

Política editorial

Os artigos submetidos na Nuances devem ser inéditos.

Assim, trabalhos publicados em eventos científicos (anais), em outros periódicos/revistas, em sua totalidade ou partes do artigo, não serão aceitos.

Não será aceito que o artigo seja submetido para outro periódico enquanto estiver em avaliação na Nuances.

Os textos provenientes de autor do exterior devem ser inéditos no Brasil.

A revista aceita submissão de artigos redigidos em português, espanhol, francês ou inglês. Na publicação eletrônica, os artigos estrangeiros, em espanhol, inglês e francês, após a sua aprovação, serão disponibilizados em seus idiomas de origem, sendo que o resumo sempre deverá ser apresentado em inglês, independentemente da língua original utilizada no texto.

 

Periodicidade

A Revista tem periodicidade quadrimestral, sendo publicada exclusivamente em formato digital de conteúdo livre.

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

 

Avaliadores externos

Afrânio Mendes Catani (USP)

Alda Junqueira Marin (PUC-SP)

Alessandra Cristina Furtado (UFGD)

Anamaria Santana da Silva (UFMS)

Ana Paula da Silveira S. Pedro (Univ. de Aveiro)

Antonio Teodoro (Univ. Lusófona de Lisboa)

Áurea Adão (Univ. Lusófona de Lisboa)

Celi Nelza Zulke Taffarel (UFBA)

Cristina Chaib (Univ. Jönköping, Suécia)

Dione Luckesi Carvalho (Unicamp)

Dora Lília Marín-Diaz (UFRGS)

Edson do Carmo Inforsato (Unesp)

Estela Maris Giordani (UFSM)

Fátima Pereira (Univ. do Porto)

Fernando de Azevedo (Univ. de Lisboa)

Gracinda Hamido (ESE – Santarém)

Helena Faria de Barros (UCDB)

Helena Luís (ESE – Santarém)

Isabel Piscalho (ESE – Santarém)

João Barroso (Univ. de Lisboa)

Jose Luiz Sanfelice (Unicamp)

Kátia Maria Abud (USP)

Luciana Esmeralda Ostetto (UFF)

Magda Becker Soares (UFMG)

Maria Abádia da Silva (UnB)

Maria Clara Del Piero (USP)

Maria de Lourdes Soares Ornellas Faria (UNEB)

Maria de Lourdes Zizi T. Peres (UNOESTE)

Maria João Cardona (ESE – Santarém)

Marta Uva (ESE – Santarém)

Maryahn Koehler Silva (UNIVILLE)

Marynelma Camargo Garanhani (UFPR)

Mário Luiz Neves Azevedo (UEM)

Mônica Kassar (UFMS)

Monique Andries Nogueira (UFRJ)

Nidia Nacib Pontuschka (USP)

Pedro Ângelo Pagni (Unesp)

Raimunda Abou Gebran (UNOESTE)

Ramon de Oliveira (UFPE)

Selma Garrido Pimenta (USP)

Silvia Adriana Rodrigues (UFMS)

Stella Miller (Unesp)

Suzzana Alice Lima Almeida (UNEB)

Telma Pillegi Vinha (Unicamp)

Teresa Yurén (Univ. Autónoma del Estado de Morelos)

Tizuko Morshida Kishimoto (USP)

Vilmar Alves Pereira (FURG)

Vinicio de Macedo Santos (USP)

Yoshie Ussami Ferrari Leite (Unesp)

Zilma de Moraes Ramos de Oliveira (USP)

 

Histórico

Nuances! Eis a revista do Curso de Pedagogia da FCT/UNESP de Presidente Prudente, resultado do esforço conjugado da Coordenação do referido curso e do Departamento de Educação.

 

A epígrafe acima faz parte do editorial de lançamento da revista em 1995. Tratava-se da concretização de um projeto acalentado por um grupo constituído por jovens professores iniciantes no ambiente acadêmico e professores já no pleno exercício de suas atividades.

A decisão de nomear a revista como Nuances teve como propósito indicar a intenção de criar um veículo dirigido, mas com pluralidade de idéias e aberto às novidades.

Os primeiros números foram produzidos de forma artesanal contando com a colaboração de vários professores da FCT/Unesp e de outras instituições, além de alunos dos cursos de graduação e funcionários vinculados ao Departamento de Educação. Nos primórdios da revista, esta era a única possibilidade de edição, pois além da falta de recursos, faltava a esse grupo experiência editorial.

Com o passar do tempo a revista foi se profissionalizando, lançando novas edições que abordavam temas candentes da educação brasileira, abrindo oportunidades para professores e alunos desta e de outras instituições de ensino superior divulgarem suas pesquisas.

A partir de seu oitavo número, a revista Nuances mudou seu formato e sua linha editorial abrindo mais espaços para publicação de agentes externos perdendo seu caráter endógeno. Além disso, a Comissão Editorial indicou como alternativa editorial a organização de dossiês sem prejuízo de artigos de fluxo contínuo, o que melhorou a qualificação da revista.

Ao longo destes anos, a revista teve periodicidade anual e impressa. A partir de 2011, a Comissão Editorial optou pela edição quadrimestral eletrônica, abrindo mão do material impresso, buscando ampliar e agilizar seu alcance.

 

 

Fontes de indexação

  • BASE/Bielefeld University - Alemanha (link)
  • EZB/UR - Alemanha (link)
  • LivRe!/CNEN - Rio de Janeiro (link)
  • REDIB - Espanha (link)
  • DOAJ - Suécia (link)
  • Latindex/UNAM - México (link)
  • CIBEC/INEP - Brasília (link)
  • CLASE/UNAM - México (link)
  • Diretório Luso-Brasileiro/IBICT - Brasília (link)
  • DRJI - Índia(link)
  • EDUBASE/Unicamp - Campinas (link)
  • IRESIE/UNAM - México (link)
  • Portal de Periódicos/CAPES - Brasília (link)